Telefone:. (11) 4810-6810

Assine nossa newsletter e ganhe 10% de desconto em sua primeira compra

A ciência comprova que ter saúde emocional e física favorece a satisfação na vida sexual de homens e mulheres. Isto ocorre porque de todos os prazeres que a pessoa tem na vida o sexo representa mais de 90%, e para ter prazer no sexo são necessário 50% de envolvimento físico e 50% do emocional.

Sentir prazer e satisfação sexual é ter uma vida sexual adequada, com momentos de alegria e prazer, sem dor ou desconforto físico e problemas emocionais decorrentes do sexo. Deste modo as práticas sexuais liberam hormônios que favorecem a felicidade, autoestima, memória, longevidade, criatividade, rendimento intelectual e aumento das percepções corporais, ou seja, saúde.

Os principais fatores que prejudicam a saúde sexual são problemas emocionais, de relacionamento e físicos. No caso dos problemas físicos ocorrem alterações nas estruturas dos músculos do assoalho pélvico, região do períneo, que comprometem a circulação, inervação e força muscular. Quando estes estão alterados haverá menor sensação prazerosa durante as práticas sexuais e algumas vezes possíveis disfunções sexuais e problemas de saúde local.

Os benefícios do sexo saudável

O sexo regular e realizado de forma saudável faz muito bem às nossas vidas. Segundo pesquisadores os benefícios são os seguintes:

–  Durante o orgasmo o corpo libera endorfina, o que causa euforia, prazer, felicidade e humor, aumentando a tolerância à dor e sensação de bem estar;

–  A atividade sexual regular está associada a níveis elevados do anticorpo imunoglobulina A, o que pode proteger de resfriados comuns;

–  O orgasmo libera vários hormônios, entre eles a ocitocina que reduz a ansiedade, depressão e previne o câncer de mama;

–  A atividade sexual com preliminares de qualidade queima muitas calorias, em média de 3 a 10 por minuto;

–  Após o orgasmo o corpo e mente relaxam instantaneamente, favorecem a melhora da qualidade do sono;

–  O hormônio DHEA liberado durante o sexo repara os tecidos e previne o envelhecimento da pele;

–  Há um aumento de adrenalina e circulação do sangue, com transporte de mais oxigênio para o cérebro, irrigando a região responsável pela memória e aprendizagem. Há também um favorecimento da capacidade do sistema imunológico, melhorando dores musculares, revitalizando células, músculos e pele;

–  O sexo frequente estimula a produção de testosterona, hormônio que atua no desejo e desempenho sexual, além de proteger coração e ossos;

–  O sexo saudável aumenta a autoestima e favorece a longevidade, criatividade, memória, rendimento intelectual e aumento das percepções corporais.

Na vida sexual do casal é necessário o equilíbrio entre a vontade e a frequência desejada para ambas as partes, sem comprometimento da sexualidade de um para agradar o outro. Estudiosos afirmam que deixar de fazer sexo e reprimir seus desejos constantemente, assim como fazer sexo sem vontade para agradar o outro com frequência, pode fazer mal à saúde levando ao desenvolvimento de doenças psicossomáticas como estresse, depressão, síndrome do pânico e outras.

O principal hábito que o casal pratica e que prejudica muito a saúde sexual e prazer é fazer sexo de modo “rapidinho” com frequência, sem realizar preliminares.

Veja também:

 

Produtos sensuais

A Hotflowers lançou a linha A SAÚDE DO SEU PRAZER, nesta contém produtos que contribuem para a saúde sexual de homens e mulheres em qualquer idade. Além destes a Empresa oferece inúmeros produtos que estimulam o prazer e a felicidade do casal.

hotflowers hotflowers

hotflowers hotflowers

A realização das preliminares contribui para a adequada excitação e lubrificação de ambos, facilita o prazer e orgasmo. Permite o conhecimento de si e do outro, aumento da intimidade entre o casal, desejo sexual e melhora da saúde geral.

E então, já escolheu qual qual melhor produto para usar? Visite a loja da Miess e conheça nossos produtos. Então siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no YouTube e acompanhe todos os conteúdos do nosso blog em primeira mão!

 

Gostou do artigo? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email