Telefone:. (11) 4810-6810

Assine nossa newsletter e ganhe 10% de desconto em sua primeira compra

Miess explica: como usar espartilho?

Se você também é superinteressada em produtos de moda sensuais, com certeza já se deparou com espartilhos (também chamados de corsets) por aí. Está na hora de desvendar os mistérios dessa peça e se deliciar com as possibilidades que ela pode te oferecer. Mas antes de saber como usar espartilho, vamos dar um pulinho na história da moda?

Como surgiu o espartilho?

A autora Marnie Fogg escreveu sobre o assunto em seu livro Tudo sobre Moda, traduzido e publicado no Brasil em 2013. Segundo ela, já na era medieval existiam versões primitivas de corsets que consistiam em amarrações que afinavam a cintura feminina.

Marnie também conta que, antes chamado de “par de corpos”, o nosso conhecido espartilho surgiu na segunda metade do século XVI e era feito com tecidos rígidos e almofadados, e barbatanas de baleia que garantiam a forma. Sendo assim, a peça sustentava os seios, moldava o corpo feminino, delimitava sua postura e chegou a causar riscos à saúde, uma vez que pressionava bastante os órgãos causando indigestões e vertigens.

Mesmo passando por várias modificações, ganhando versões menos rígidas, semelhantes às atuais – algumas até sem armações ou barbatanas -, saindo e entrando em voga, os corsets viajaram pelo tempo. Então, sem mais delongas, vamos ver do que eles são capazes atualmente!

Como usar espartilho nos dias de hoje?

Os corsets são extremamente versáteis e têm inúmeras utilidades:

  • Uma das técnicas mais antigas com espartilho é o tight lacing, que, a longo prazo, consegue modificar a silhueta do corpo, afinando a cintura;
  • Ao usar a peça como uma composição de vestuário você pode variar as amarrações a fim de criar novos visuais;
  • Combinado com saias ou calças, os corsets compõe looks casuais mais ousados;
  • Em épocas de frio, ao invés de guardar o espartilho no fundo do armário, use-o por cima de blusas de manga comprida e garanta elegância;
  • Para aqueles dias em que o tempo não se decide e você leva sua jaqueta na bolsa por precaução, aproveite para usá-la com espartilho;
  • Longe da correria, quando você tirar aquele tempo para massagear sua autoestima, para curtir o seu amor ou marcar um encontro quente com um(a) ficante, os corsets são uma aposta perfeita pra esbanjar sensualidade.

E eroticamente falando, o que mais a peça me oferece?

Versatilidade é o que define o espartilho. Hoje em dia essa peça não possui mais materiais que machucam o corpo, muito pelo contrário: ela valoriza a forma natural do corpo, modelando-o levemente; dá até para descobrir o que encaixa melhor no seu corpo. Com essa receita, os corsets aumentam sua autoestima e acabam engatilhando melhor o desempenho e o desejo sexual. Sendo assim, fique atenta ao escolher aquele que realmente vai te atender. Os espartilhos podem variar em:

  • Comprimento;
  • Adornos;
  • Tecidos;
  • Fendas;
  • Amarrações.

Além disso, há várias possibilidades de combinação, ou até mesmo conjuntos que podem incluir:

  • Calcinha;
  • Meia-calça (com e sem pezinho);
  • Cinta-liga;
  • Robe.

É só escolher o modelo que mais combina com seu estilo e personalidade e rechear o seu armário, seu dia a dia, sua autoestima e seu relacionamento!

Agora que você sabe como usar espartilhos, confira nosso post sobre cosméticos sensuais, que também podem ser grandes aliados no seu lifestyle.

Avaliação:

Deixe uma resposta